O prefeito Moacyr Fadel Junior anunciou na segunda-feira (4), em evento no Teatro Bento Mossurunga, investimentos de R$ 2,2 milhões para a área da Educação. Ele assinou ordem de serviço para a construção de cinco quadras poliesportivas para as escolas municipais Dalila Ayres, Santo Lazarini da Silva, Estação do Tronco, Guararema e Lourival Leite de Carvalho. As obras, no valor R$ 788 mil serão executadas pela empresa Fraiz Construções Civis e duas quadras devem ser entregues até o final deste mês.

Fadel anunciou ainda a compra e entrega de computadores para os Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e escolas municipais com investimentos de R$ 527 mil, e a aquisição de uniformes composto de calça, jaqueta, bermuda, camisetas de manga longa e curta, tênis e meia para todos os alunos da rede municipal de ensino, com recursos de R$ 958 mil.

A secretária municipal de Educação, Rejane de Paula Nocera, destacou que os investimentos visam o desenvolvimento integral das crianças. “São recursos importantes para ampliar a estrutura do ensino oferecido nas escolas”, disse.

“Estamos investindo com recursos próprios para garantir cada vez mais a qualidade da educação para nossas crianças. As quadras esportivas vão proporcionar a prática de esportes e o lazer para os nossos alunos. Assim como, os computadores nas escolas para reforçar as aulas de informática. Já o uniforme escolar é fundamental para que as crianças tenham plenas condições de estudar e aprender de forma igualitária, além de reduzir o custo para as famílias”, destacou o prefeito.

 

Parceria

um termo de parceria corrigindo os valores de repasse anual, foi assinado entre o município e três entidades educacionais. A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), passará a receber R$ 110 mil para atendimento a 110 crianças; a Escola Ninho Sorriso, por meio da Associação Antonio e Marcos Cavanis, receberá R$ 94.380,00 para 110 crianças e a Associação Irmãs Cavanis receberá R$ 288 mil para atendimento a 168 crianças.


Consignado

A partir de agora, servidores públicos municipais, sem distinção, poderão contrair empréstimo consignado com prazo de pagamento de até 72 meses. O termo aditivo foi assinado durante o evento entre a Prefeitura e o Banco Bradesco.